A Prefeitura recebeu, nesta sexta-feira (27), 800 livros sobre a história da cidade que integrarão o acervo das principais bibliotecas municipais e comunitárias da capital baiana. A doação foi feita ao prefeito ACM Neto pelo Grupo Global Participações em Energia (GPE), em solenidade no Palácio Thomé de Souza. Além disso, foi entregue a publicação “Salvador: uma iconografia através dos séculos”, que servirá como mais um instrumento disponível aos estudantes da rede para conhecer um pouco mais sobre a história da cidade. As imagens foram coletadas pela pesquisadora Fernanda Terra, com textos dos historiadores baianos Daniel Rebouças e Francisco Sena. A ação faz parte do Festival da Cidade.


O prefeito ACM Neto destacou a importância da obra, principalmente para os jovens que não conhecem a história da cidade. “Fico feliz com esse presente que a Global dá á cidade. Sempre tive a referência em casa do meu avô ACM que é preciso projetar o futuro resgatando o passado. Essa obra se eternizará e muitos que não conhecem a história da cidade, os monumentos, passarão a conhecer. É exatamente em um momento como este que devemos prestigiar a importância do livro”, disse.

Para o historiador Francisco Sena o “trabalho é fruto de um compromisso com a cidade, é uma memória que serve para o futuro, com um acervo monumental primoroso”. O diretor de Relações Institucionais da Global Participações em Energia, Juliano Matos, afirmou que “é uma satisfação trazer o livro e resgatar a imagem de Salvador que muitos soteropolitanos não conheciam”,. Ele revelou que foram oito meses de pesquisa para construir a obra. No título, estão reunidas todas as imagens de Salvador registradas desde o século XVII, disponíveis no acervo da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro.

Produzido pela Caramurê Publicações, a obra, que foi aportada pela GPE através da Lei Rouanet de Cultura, teve a contribuição dos historiadores baianos Daniel Rebouças e Francisco Sena, por meio de comentários publicados junto às imagens, colaborando para a contextualização dos fatos. Estiveram presentes na solenidade a vice-prefeita Célia Sacramento, o secretário de Cultura e Turismo, Erico Mendonça, o presidente da Fundação Gregório de Mattos, Fernando Guerreiro, entre outras autoridades.