Investimento municipal é de R$230 milhões em diversas ações e dentre os destaques estão a entrega da nova estação da Lapa e intervenções no Subúrbio

 

O aniversário de 467 anos de Salvador vai ser comemorado até o final de abril com a entrega de várias obras e anúncios de novas realizações, que somam um investimento total de R$230 milhões, além de programação cultural que vai contar com show da dupla Caetano Veloso e Gilberto Gil, celebrando 50 anos de carreira. Todos os detalhes foram apresentados pelo prefeito ACM Neto em coletiva realizada nesta terça-feira (8), no Palácio Thomé de Souza, acompanhados de secretários, gestores municipais, autoridades e a imprensa.

 

“Todas as ações em áreas como infraestrutura, educação e assistência social a serem entregues ou realizadas pela Prefeitura contam praticamente apenas com recursos municipais. Além disso, será realizada mais uma edição do Festival da Cidade, consolidando o evento em comemoração pelo aniversário de Salvador com diversas atividades e estímulo à cultura local”, ressaltou o prefeito ACM Neto.

 

Entre as principais entregas estão dois novos Multicentros de Saúde, a nova Estação da Lapa, a duplicação da rua Luiz Maria (Baixa do Fiscal), a requalificação da rua Eduardo Dotto (que liga as orlas de Tubarão e São Thomé de Paripe, no Subúrbio) e a revitalização do Parque da Cidade. Entre as ordens de serviço que serão assinadas, destaque para a reurbanização da comunidade Guerreira Zeferina, em Periperi, num investimento de R$ 17,7 milhões para garantir moradia digna a mais de 250 famílias em uma das áreas mais carentes da cidade.

 

A nova Estação da Lapa será inaugurada com banheiros climatizados, impermeabilização da cobertura, segurança privada 24 horas por dia, manutenção e conservação permanentes, área comercial com 64 estabelecimentos, moderno sistema de iluminação, central de controle com 60 câmeras, escadas rolantes em pleno funcionamento, sistema de detecção de incêndio, elevador e sinalização visual. O investimento total foi de R$20 milhões, garantindo mais conforto e segurança aos usuários do transporte público que utilizam o equipamento.

 

Outra obra importante na área de mobilidade entregue nas comemorações do aniversário de Salvador será a duplicação da rua Luiz Maria, na Baixa do Fiscal, que liga a Calçada à avenida Afrânio Peixoto, a Suburbana. As intervenções custarão no total cerca de R$ 11,9 milhões, sendo que R$ 6,3 milhões referentes à duplicação da pista e R$ 5,6 milhões aos trabalhos de macrodrenagem, fundamentais para evitar os alagamentos que frequentemente atingiam a via. Com 560 metros de extensão, a rua passa a contar com duas pistas de sete metros de largura em piso intertravado, uma nova baia para ônibus, iluminação central, paisagismo e arborização. Além disso, está sendo construída uma ciclovia e os passeios possuem piso tátil.

 

No Subúrbio Ferroviário, região considerada prioritária pela Prefeitura, a requalificação de outra importante rua será inaugurada nas comemorações pelo aniversário da capital: a Eduardo Dotto, que liga as novas orlas de Tubarão a São Thomé de Paripe. As intervenções tiveram início em março de 2015 e irão custar aos cofres municipais aproximadamente R$ 3,5 milhões. Nesta via foram executados serviços de terraplanagem e pavimentação asfáltica, além de micro e macro drenagem.  Também foram construídos um mirante, pontos de parada de ônibus, 2.896 m² de meio fio e 3.810 m² de passeio.

 

Já na rua Iriguaçu, em Paripe, mais de 80% das obras de requalificação já estão concluídas e as intervenções serão entregues nas comemorações pelo aniversário de Salvador. Com a recuperação da Iriguaçu, a travessa Joanita e as ruas Rocha Miranda e Aratu também estão passando por reformas, com investimento total de R$5 milhões.

 

Ação inédita em Periperi - Grandes ações na área social serão uma marca da programação montada pela Prefeitura para comemorar os 467 anos da primeira capital do Brasil. A principal delas será a reurbanização total da comunidade Guerreira Zeferina, que vai beneficiar pouco mais de 250 famílias, num investimento de R$ 17 milhões. A ordem de serviço para início das obras será assinada pelo prefeito ACM Neto durante as comemorações. As intervenções serão divididas em duas áreas: infraestrutura e assistência social.

 

Na infraestrutura, após um ano de reuniões com os moradores, ficou definido em conjunto que, na área de mais de 20 mil m², serão realizadas implantação das redes de água, esgoto e drenagem pluvial, além de construção de 257 unidades habitacionais de dois e três quartos, alguns deles adaptados para idosos e pessoas com deficiência. A iniciativa também prevê a implantação de áreas verdes e de dez quiosques comerciais, além de via de acesso a área com vagas de estacionamento. Os moradores ganharão ainda o espaço comunitário Guerreira Zeferina completamente requalificado com sala multiuso, pátio coberto e sanitários, entre outras realizações.

 

Já o trabalho social envolve todas as famílias da comunidade. Por meio de convênio com a ONG Avsi Brasil, que possui larga experiência no Subúrbio Ferroviário, será feito o trabalho de acompanhamento, iniciado com a relocação dos moradores durante o período da obra, monitoramento e avaliação da ação e promoção de cursos de qualificação e geração de emprego e renda. Todos os cadastrados assinam documento de garantia de retorno para a comunidade, antigamente conhecida como Cidade de Plástico, totalmente urbanizada.

 

Morar Melhor e títulos – Para marcar o aniversário de Salvador, a Prefeitura vai ainda fazer a regularização fundiária de 1.960 imóveis no Bairro da Paz, Calabar, Alto das Pombas, Vila Canária e Vila Perseverança (Pernambués), dentro do programa Casa Legal. Além disso, através do programa Morar Melhor, 5.100 terão as reformas iniciadas nas localidades do IAPI, Calabetão, Saramandaia e Engomadeira.

 

Novos parques e áreas de lazer - As realizações não param por aí. Dentro do programa Salvador Bairro a Bairro, a capital baiana vai ganhar 14 novas praças construídas ou reformadas pela Prefeitura, num investimento de mais de R$2,2 milhões. Uma das mais importantes é a localizada na antiga área da feira de Periperi, de onde os comerciantes informais foram remanejados para o novo mercado construído pela atual gestão municipal.  Para a construção do novo espaço, foram retiradas as antigas barracas e até mesmo imóveis construídos irregularmente em terreno público. O local tem ficado tão agradável que até mesmo casas no entorno da praça estão recebendo acabamento para ficar no mesmo nível da beleza do espaço.

 

Outra área de destaque que foi completamente requalificada é a praça Almirante Coelho Neto, nos Barris. O padrão antigo e o clima de quase total abandono do local estão dando lugar a um espaço mais moderno e agradável, principalmente para as pessoas que frequentam a região – moradores e clientes de clínicas próximas à praça. Desde 2013, já foram construídas ou recuperadas mais de 100 praças na cidade.

 

Parque da Cidade – A Prefeitura também vai entregar novos campos e quadras, num total de 14, somando investimentos de R$3,4 milhões, além de iniciar as obras de construção de dois ginásios esportivos (em São Marcos e Itapuã) e de dois Centros de Artes e Esportes Unificados (em Valéria e Canabrava). E mais: para assegurar a ampliação dos espaços de lazer e práticas esportivas, será inaugurado o novo Parque da Cidade, totalmente requalificado e com novos equipamentos, além da macrodrenagem do canal, num investimento de aproximadamente R$12 milhões. O parque passará a ter um gradil para torná-lo mais próximo da população, espaço exclusivo para skatistas, ampliação das arquibancadas do Anfiteatro Dorival Caymmi com instalação de um controle de acesso, requalificação de áreas verdes e muito mais.

 

Novo trecho de orla - O processo de requalificação da orla de Salvador, iniciado em 2013, terá continuidade nas comemorações pelo aniversário de 467 anos da cidade. Durante os festejos, a Prefeitura vai lançar e detalhar o projeto Plataforma-Itacaranha, que compreende uma série de intervenções urbanísticas, como pavimentação, paisagismo, mobiliário urbano e ciclovia, correspondentes às necessidades e particularidades de cada trecho.

 

O projeto já vai levar em conta a implantação do VLT, e será dividido em duas etapas. A primeira compreende a reurbanização da rua Almeida Brandão, que tem extensão de aproximadamente três quilômetros e margeia o leito ferroviário ao longo da Baía de Todos os Santos. Hoje, as condições desta via são bastante precárias e parte dela foi interditada em razão de um deslizamento que comprometeu a sua contenção em alvenaria de pedra. Essa primeira etapa custará aproximadamente R$10 milhões aos cofres municipais.

 

Ambulantes – O ordenamento do espaço público será outro foco da Prefeitura no aniversário de Salvador. Serão entregues os novos mercados da Liberdade e das Flores, no bairro do Dois de Julho. No caso do Mercado da Liberdade, a estrutura vai abrigar parte dos comerciantes e feirantes que atuam na tradicional Feira do Japão. O espaço, que funcionará na rua Gonçalves Coelho, em frente ao Colégio Duque de Caxias, irá abrigar 66 barracas para comercialização de diversos itens, dez boxes destinados a peixarias, sete espaços para açougues e um para venda de carne seca. No total são 415,81 m² de área construída.

 

A Prefeitura vai entregar ainda a nova Feira de Cosme de Farias, que vai receber 70 trabalhadores cadastrados pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), que administrará o espaço. A iniciativa visa proporcionar um ambiente digno de trabalho para os ambulantes, já que a antiga feira funcionava na rua principal do bairro de forma precária, além de trazer transtornos ao tráfego de veículos e passagem de pedestres. O novo equipamento funcionará na rua Venceslau Galo, próximo ao fim de linda de Cosme de Farias. A reestruturação conta com recapeamento asfáltico, recuperação do passeio público, além de uma cobertura para evitar que a chuva danifique as mercadorias e barracas padronizadas pela Prefeitura.

 

Outras intervenções de ordenamento serão entregues, como as barracas padronizadas do Pelourinho e o Camelódromo da Baixa dos Sapateiros, na rua José Joaquim Seabra, com capacidade para abrigar 150 trabalhadores em uma área de 600m², contando com iluminação metalizada, cobertura, sanitários personalizados para acesso de deficientes e piso de alta resistência.

 

Novos Multicentros de Saúde - Como parte das comemorações do 467º aniversário de Salvador, a Prefeitura dará de presente à população novas unidades de saúde. Entre elas, mais dois Multicentros de Saúde: o da Liberdade e o da Rua Carlos Gomes. Os dois equipamentos vão ofertar serviços básicos e especializados de saúde, como a vacinação e dispensação de medicamentos aos atendimentos em ultrassonografia e exames laboratoriais. As unidades também realizarão eletrocardiograma, ecocardiograma, MAPA, HOLTER, testes ergométricos e duplex scan.

 

Implantados desde 2013, os Multicentros de Saúde representam um passo importantíssimo para redução do deficit de consultas e exames especializados no município. Além das unidades da Liberdade e do Centro, outros dois equipamentos do mesmo perfil já foram entregues nos bairros do Vale das Pedrinhas e Amaralina, que juntos atendem a cerca de 20 mil pacientes por mês.