O Festival da Cidade 2015 entrou no clima dos anos 50 no seu primeiro dia. Os anos dourados tomaram conta do canteiro central da Avenida Centenário neste domingo (22) durante a Feira da Cidade, realizada em parceria com a Prefeitura de Salvador durante todo o fim de semana. Em edição especial, o evento celebrou o aniversário de 466 anos da cidade e o marco de 50 dias de Feira. O público, que lotou o espaço na tarde de domingo, pôde sentir a atmosfera retrô em cada detalhe dos mais de cinquenta estandes de gastronomia, moda, arte e decoração. A música, que ficou por conta de DJs convidados, completou a temática, com seleção especial, que ia do country ao rockabilly.

Entre as mais diversas opções, com preços convidativos que variam entre R$5, R$10 e R$15, pratos que iam desde o americaníssimo waffle ice cream sanduich, da Pseudotruck, até delícias da terra, como a Maniçoba de Santo Amaro, servida pela Dona Isaura, que cozinhou para a família Veloso por mais de 30 anos. “A Feira é democrática, e o mais bacana é que proporciona a todos, sem distinção de classe, o prazer de experimentar comidas maravilhosas preparadas por chefs de cozinha. Esse contato, olho no olho, com o público é importantíssimo para nós. Celebrar o aniversário da cidade com boa comida, em comunhão com seu povo, dentro do Festival, é muito legal”, comentou o chef Tiago Falcão.

Para o presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, “a Feira da Cidade está em sintonia com a determinação da Prefeitura de incentivar a ocupação dos espaços públicos de nossa cidade e fazer com que o soteropolitano reconquiste sua autoestima e seu amor por Salvador.” Além da gastronomia, como parte da proposta multicultural do Festival da Cidade 2015, a feira contou nesta edição teve ainda apresentações circenses, do Grupo Ecoar, concurso de pin ups, exposição de instrumentos musicais antigos, e vendas de discos de vinil. A Feira da Cidade é mais um dos eventos que integram a programação do Festival da Cidade, promovido pela Prefeitura com o patrocínio do Shopping da Bahia, que se estende durante toda a semana, culminando com a celebração do aniversário de salvador, domingo dia 29 de março.

Para a produtora e organizadora da Feira, Carla Maciel, o diferencial dessa edição especial foi estrear na Avenida Centenário. “Ocupar pela primeira vez o canteiro da Centenário, espaço que é bem confortável – tendo mais sombras, bancos, árvores – resultou numa Feira muito bonita. Conseguimos fazer uma exposição ampla, mostrando o que os expositores de Salvador têm a oferecer de mais contemporâneo. Fazer parte de  grandes eventos, como é o Festival da Cidade, é maravilhoso, porque o público tem a oportunidade de curtir toda a programação cultural oferecida e aproveitar também a Feira, fazendo um evento completo”, pontuou.